Desconto na Parcela do Pagamento de Empréstimo

Tenho desconto na parcela do pagamento de empréstimo, se pagar adiantado ao banco? Todo e qualquer tipo de empréstimo contraído pode ser quitado integralmente ou parcialmente ou ainda ter algumas parcelas pagas antecipadas. Mas é claro que essa tarefa pode ser fácil em algumas instituições e em outras virar um verdadeiro martírio.

Pagamento de EmpréstimoO cálculo para o desconto é complicado, e por conta disso é possível que o credor (instituição financeira) irá tentar te dar um nó, desde dizer que não é possível dar o desconto, até fazer o cálculo do desconto para cima. O importante é você não desistir do direito do desconto e não pagar despesas ou taxas extras para concluir a operação.

O desconto é assegurado no Código de Defesa do Consumidor. Esse abatimento quando houver antecipação de parcelas ou quitação antecipada nos empréstimos e financiamentos são feitos normalmente pelos bancos, financeiras ou lojas do comércio que fazem o famoso crediário.

Vamos deixar mais clara a explicação, quando o consumidor deseja pagar uma ou mais parcelas de empréstimos, financiamentos e crediário ou decide quitar antecipadamente seu empréstimo, financiamento ou crediário de forma parcial ou parcial, tem direito ao desconto proporcional dos juros e dos demais acréscimos legais aplicados ao contrato.

Como é feito o cálculo do desconto da parcela antecipada?

Para saber qual o valor devido, leva-se em conta não o valor que foi concedido na contratação, mas o valor que seria pago ao final da quitação das parcelas, como esta previsto no contrato.

O valor deve ser atualizado no momento em que se dará a quitação e descontado os juros referentes aos meses seguintes. Isto porque os juros equivalem à remuneração pelo serviço prestado por quem concedeu o empréstimo ou financiou o crédito, normalmente uma instituição bancária ou financeira.

A regra é básica, desde quando quitado o débito antecipadamente, o serviço deixou de ser prestado pelos meses seguintes, desta forma não há mais motivo para a remuneração do credor ( instituição bancária ou financeira).

Em curtas palavras o consumidor só deve pagar os encargos do empréstimo ou financiamento pelo prazo em que o utilizar. O Banco Central possui normas específicas que garantem esse direito ao contratante de crédito. Porém, as mesmas normas também autorizam aos bancos e financeiras a cobrança de uma taxa para que essa quitação antecipada seja concluída, contrariando a própria regra.

O desconto vale para todos as linhas de empréstimos em geral (inclusive o empréstimo consignado em folha de pagamento), todos as modalidades de financiamentos (inclusive financiamento imobiliário), serve para compras parceladas com juros, nas operações com cartão de crédito e outras transações financeiras que envolvam a concessão de crédito.

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *